O clima está quente, né?: justaposições e distanciamentos entre público e especialistas brasileiros sobre as mudanças climáticas

Autor(es) : Guilherme Heurich, Julia Sauma, Michael Baran, Paula Siqueira

A urgência em comunicar a necessidade premente de ações capazes de enfrentar as mudanças climáticas motivou a realização da presente pesquisa, que tem por objetivo final equipar os comunicadores e especialistas com ferramentas de comunicação eficazes para traduzir o entendimento dos especialistas brasileiros em conceitos que o público brasileiro e os agentes-chave do campo em questão possam compreender e utilizar. O presente relatório é o resultado da primeira etapa desta pesquisa e tem como objetivo específico comparar o entendimento do público e dos especialistas brasileiros sobre as mudanças climáticas, de modo a mapear os distanciamentos e sobreposições entre ambos os discursos.

A pesquisa na qual este trabalho se baseia foi realizada com o apoio do Instituto Arapyaú, utilizando a metodologia desenvolvida pelo Instituto FrameWorks (Washington, DC).

Ano de publicação
Foco geográfico
Idiomas
Tipo do Documento
Direitos autorais
Copyright 2015 Instituto FrameWorks.