Mudanças climáticas, impactos e cenários para a Amazônia

Autor(es) : José A. Marengo, Carlos Souza Junior

A mudança climática já está acontecendo e já está produzindo impactos, e quanto maior for o aquecimento, maiores serão os impactos futuros e riscos que a humanidade vai enfrentar, incluindo a possibilidade de danos irreversíveis em ecossistemas, na biodiversidade, na produção agrícola e na economia e sociedade em geral. Na Amazônia, o aquecimento observado desde 1949 até 2017 varia de 0,6 a 0,7o C, segundo várias fontes de dados de temperatura.

Este estudo realizado a pedido de organizações acadêmicas e da sociedade civil brasileiras como Alana, APIB (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil), Artigo 19, Conectas Direitos Humanos, Engajamundo, Greenpeace, Instituto Socioambiental,  Instituto de Energia e Ambiente, Programa de Pós Graduação em Ciência Ambiental Universidade de São Paulo e Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INCT) para Mudanças Climáticas Fase 2, revela como o desmatamento, em especial da Amazônia, agrava os impactos do clima na produção agropecuária, no fornecimento de água do país, na emissão de gases de efeito estufa, nos incêndios florestais, entre outros, afetando toda a população brasileira.

Ano de publicação
Foco geográfico
Idiomas
Tipo do Documento