Advocacy em rede: em busca de maior impacto do investimento social privado no Brasil

Autor(es) : Lívia Menezes Pagotto

Este artigo tem o objetivo de contextualizar e debater as oportunidades de advocacy em rede no âmbito do investimento social privado no Brasil. Nos últimos anos, práticas de advocacy passaram a ser abordadas de forma mais recorrente pelos principais estudos sobre esse campo e foram incluídas no debate público na busca pela potencialização das ações dos investidores sociais. Temas como o dilema entre financiamento ou operação do advocacy, os processos de monitoramento e avaliação do advocacy, o advocacy no ciclo de políticas públicas e o advocacy em rede tem ganhado relevância. Para o último, foi realizada uma revisão de literatura sobre o tema, uma análise histórica de sua evolução nas edições do Censo GIFE e identificadas iniciativas coletivas de advocacy no âmbito da sociedade civil. Atividades como as do Observatório do Clima, da Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura e da Rede de Advocacy Colaborativo evidenciam diversos benefícios: compartilhamento e otimização de recursos, construção de sinergia entre agendas de incidência política, aprendizagem coletiva baseada no levantamento de controvérsias e construção de consenso, potencialização da geração de conhecimento e uso das tecnologias para compartilhamento de informações e execução de estratégias coletivas de advocacy.

Este artigo integra a publicação seriada Artigos GIFE , que publica reflexões e análises de pesquisadores brasileiros de diferentes áreas do saber com o objetivo de estimular, ampliar e disseminar a produção de conhecimento qualificado sobre o campo da filantropia, do investimento social privado e da sociedade civil no Brasil.

Ano de publicação
Temas
Foco geográfico
Idiomas
Tipo do Documento
Direitos autorais
Copyright GIFE 2019